quinta-feira, 4 de maio de 2017

A piada não é minha...

A piada não é minha, é de um amigo, colega de profissão e de facebook que tem um tremendo sentido de humor, mas quando li, ri a bom rir.

«Depois de construir um Galo gigante em Barcelos e um Terço gigante em Fátima, cuidado! não deixem a Joana Vasconcelos ir às Caldas!»


(foto da nossa amiga e ex blogger Rosa dos Ventos)


Cuidado, Manu não a deixes ir às Caldas!

17 comentários:

  1. Ri imenso quando li isso ontém. Mas, hoje, já vi a expressão em várias formas e feitios. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Pois. Depois do "Pirilau" do Cutileiro no Parque Eduardo VII, era capaz de ser um bocadinho de mais.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Tem piada, sim senhora. Também já a tinha lido algures por aí, mas não se perde nada em lê-la uma e outra vez. Bem pelo contrário.

    ResponderEliminar
  4. Com a tendência da Joana para fazer tudo à grande e à francesa, é preciso cuidado. :))
    De que material serão feitas as contas do rosário? Se calhar bolas de ténis...tenho de ver aquilo tudo resplandecer...
    Que saudades da Rosa dos Ventos. Parece que se foi mesmo de vez. Uma pena!
    Beijinhos, Graça.

    ResponderEliminar
  5. É primeira vez que leio esta graçola :)

    ResponderEliminar
  6. Ahahah!
    Graça sem saber que tinhas feito este post acabo de fazer um sobre o mesmo assunto mas com poucas palavras...:) a tua foto é mais bonita do que a minha.
    bjs

    ResponderEliminar
  7. Ela já andou pelas Caldas da Rainha, agigantando e arrendando
    as faianças de Rafael Bordalo Pinheiro...
    Porém, acho a sugestão do teu amigo fantástica, Portugal até
    andaria mais bem disposto, se tivesse um colosso dessa Alegria
    revestido a rendas vaporosas... hilariante... Portugal a rir!
    Podia ficar junto da Torre de Belém, a lembrar a todos que
    Portugal está a precisar de bolas como as de antigamente.
    Beijinhos enormes, Amiga.
    ~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  8. Há dias dei uma volta para ver o ambiente, os preparativos para o acontecimento do ano.
    Fiquei espantado com tanta gente no recinto e perplexo perante os balões dependurados. Comentei até aquele despropósito com um "que grande pimbalhice!", sem saber a identidade do autor, nem do responsável pela sua exibição. Fiquei a saber pela televisão, um ou dois dias depois.
    A graçola tem toda a razão de ser. Depois das sucessivas aventuras de JV, que incluíram cacilheiro, galo, sapatos e chinelos, que algumas pessoas chamam arte, é preciso impedi-la de se aproximar da cidade das Caldas da Rainha não vá a dita artista ter a ideia de ----- o País todo.
    Isto não é bem um comentário, é um desabafo; peço desculpa.

    Bj e BFS.

    ResponderEliminar
  9. Acho que já foi! Vi a "obra". Alguém publicou por aí. :)

    A arte é agora tamanho, está-se mesmo a ver.

    Bj.

    Lídia

    ResponderEliminar
  10. Ah pois... Que se crie um movimento para impedir JV de se aproximar das Caldas... Já!

    ResponderEliminar
  11. Muito bom! Foi um excelente exemplo de como fazer rir sem ofender ninguém.
    Porém... eu quero é que ela vá às Caldas da Rainha e não se detenham só na decoração de num exemplar; Embeleze quantos entender e de todos os tamanhos que encontrar.
    Não se coíba! Terá sucesso garantido!

    Lembram-se de cada coisa...
    Beijos e sorrisos (enormes)!

    ResponderEliminar
  12. Se for às Caldas vai ser mais um sucesso!
    Ainda não vi esta obra ... mas gosto do candeeiro de tampões!
    Há muito quem não goste mas do género ela ... é a mais ousada!!!
    bj

    ResponderEliminar
  13. E agora ainda ri mais com os vossos comentários!...

    Rir é preciso, ai se é!!!

    Beijinhos divertidos para todos.

    ResponderEliminar
  14. Sinceramente não vejo nele beleza e o facto da ideia não ser original, não abona muito a favor apesar da diferença nos suportes entre o de Fátima e o do Brasil suportado por palmeiras !

    Agora, a piada está o máximo ! Temos mesmo que avisar a Manu !!! rsrsrs ... A Joana Vasconcelos gosta das coisas em grande, muito grande !

    :)))

    ResponderEliminar
  15. Tem piada que, sem conhecer esta boa piada, dizia há dias, numa roda de amigos, que um dia destes o presidente da câmara das Caldas ainda se lembrava de lhe encomendar uma obra para o parque D. Carlos...

    ResponderEliminar
  16. sinceramente, mais me parece uma máquina de tortura da Santa Inquisição

    beijo

    ResponderEliminar