sábado, 29 de novembro de 2014

Um dia de Sol!

Que bênção, depois de dias e dias de chuva, acordarmos com um dia de Sol!

Já aqui deixei dito que muitas vezes me vêm à cabeça clarões de músicas da minha juventude e foi o que aconteceu hoje de manhã: le soleil... Gilbert Becaud - inícios de 60. Linda, linda a canção!

Felizmente há YouTube ... e olhem só o que encontrei: uma passagem de um filme de 1960, de nome Plein Soleil, protagonizado pelo meu muito apreciado Alain Delon , novinho, novinho e lindo! Não sei qual o nome do filme em português nem me lembro de o ter visto. 

Mas lá estava a bela canção de Becaud... 

Querem ouvir?




A lindíssima "moçoila" que contracenava com o menino bonito do cinema francês da época era a Marie Laforet que também era cantora. 







23 comentários:

  1. Como ainda não tinha tido oportunidade de aqui vir, nos últimos dois dias, quero agora dar-te ao Parabéns pela linda homenagem que prestaste ao Alentejo, Graça!
    Texto bem enquadrado no tema e vídeos maravilhosos. Os alentejanos agradecem a tua generosidade.

    Quanto ao 'Plein Soleil, adorei ouvir Gilbert Bécaud, mas o Alain Delon ainda estava muito verde aqui. Gostei dele uns nos mais tarde.
    Já Marie Laforet estava deslumbrante.
    Esperemos que o Rei Sol se digne aquecer-nos por mais uns dias, já que a temperatura baixou bastante.

    Um beijinho e bom Domingo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Janita, sou lisboeta de gema, moro em Leiria há 40 anos (!!) mas ADORO o Alentejo...

      Quanto ao Alain Delon, és capaz de ter razão. Só que eu gostei dele sempre, em todas as idades. Quando era nova dizia que o AD era de nos atirarmos do balcão para a plateia de tão lindo que era...

      Eliminar
  2. Sabes que temos e tivemos, pelos vistos, os mesmos gostos! O Alain Delon era o meu ídolo! O homem mais charmoso que creio que "conheci". Sobre ele nem falo mais aqui, para não sair o que não deve...

    Bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É melhor, é.... Mas que bom gosto nós tínhamos!!

      Eliminar
  3. Foi muito bom o dia de Sábado.
    Quisera eu muitos dias assim. Estou farto desta chuva que cai de enxurradas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Farta, fartinha, amigo Luís. E hoje, lá voltou ao mesmo.... Até o tempo está contra nós!

      Eliminar
  4. Recordações fabulosas! Felizes somos por termos curtido tais fases!
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, Célia. Termos passado a juventude naqueles tempos de viragem foi uma maravilha!!

      Eliminar
  5. Boa tarde Graça,
    Sim, gozemos o sol que nos brinda em raros dias.
    Obrigada por trazer a beleza da música francesa, que sempre foi uma de minhas paixões. O Alain Delon, já "o conheci" um pouco mais velho, mas sempre Alain Delon, hããnnn!
    bj amg e bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Carmen, seja bem-vinda! Ainda bem que gostou. Eu gostei muito e continuo a gostar da música francesa daqueles tempos.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Que convencidito
      É o Rogerito...

      Também tenho dito!!

      Eliminar
  7. E não é que não me lembro nada desta canção?!
    Agora do AD...se me lembro!

    Bisous

    ResponderEliminar
  8. Não tenho memória desta canção. Mas gostei. se gostei!. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora ainda bem! Gosto de dar a conhecer estas pequenas maravilhas do meu tempo às meninas novas...

      Beijinhos

      Eliminar
  9. Boas recordações.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  10. ~ ~ Memórias felizes dos nossos encantadores aninhos cor de rosa. ~ ~

    ~ ~ ~ Beijinhos. ~ ~ ~

    ResponderEliminar
  11. depois da tempestade a bonança!...

    que o Sol se abra em promessas de uma nova Primavera...

    beijo

    ResponderEliminar
  12. O sol tem andado a fazer-nos negaças. Ainda hoje parecia um lingrinhas sem força para chegar cá abaixo.
    Nos anos 60, do pretérito XX, quando vivemos a nossa adolescência e Juventude, bebemos muito do charme da cultura francesa, principalmente no cinema que víamos então. O AD foi um galã que fez suspirar muita menina. Pois, mas os rapazes também tinham onde regalar os olhos.

    ResponderEliminar
  13. Fiquei a ouvir e gostei. Obrigada :)
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar