sábado, 31 de agosto de 2013

Levando o governo ao colo


Não é novidade para (quase) ninguém que os media estão a fazer de tudo para levar os portugueses a voltarem a votar na vergonhosa direita que tomou o poder de assalto (com a conivência de igual modo vergonhosa dos partidos lá da esquerda do fundo, diga-se). O nosso amigo do cronicasdorochedo escreve sobre este assunto hoje e mais não ouviu – e fez ele muito bem! – o omnisciente “comentador” Luís Marques Mendes que ainda há pouco perorou sobre o chumbo pelo TC da lei da mobilidade especial – vulgo despedimento em massa – dos funcionários públicos.


Foi a primeira vez que me deu para o ouvir e, garanto, fiquei “vacinada”. Calhou passar para a SIC para evitar a carochinha de serviço ao Jornal da TVI e um qualquer programa supercretino que um qualquer garotelho também supercretino apresentava na RTP1. Pois o senhor em questão, aluno incondicional do “saber de experiência feito” do senhor presidente e do estilo inconfundível do supercomentador da TVI, falou dos juízes do Tribunal Constitucional e da sua atuação com um desbrido  tom de desapreço e de desconsideração mencionando a idade em que se podem aposentar e o facto de não terem interrompido as férias «como faz o primeiro-ministro e o presidente», “paleio” que realmente agrada a uma determinada camada de pessoas e sempre manipulando-lhes as vontades. Por outro lado, foi acicatando outra camada de pessoas no sentido de lhes avolumar o odiozinho que sentem pelos “benefícios” de que gozam os malandros dos funcionários públicos!

“A decisão do Tribunal Constitucional tem de ser respeitada, mas merece ser criticada. No sector público não se pode despedir, mas pode despedir-se no privado. Na Constituição não está esta distinção”, acusou. “O que está aqui em causa não é uma lei da Constituição é um princípio e o princípio é subjetivo. Se fossem outros juízes se calhar a interpretação era outra”, reiterou. E depois ainda ameaçou com novo aumento de impostos se os “incompetentes” dos juízes do TC chumbarem os cortes nas pensões!

É de facto abjeta a forma como este e todos os outros comentadores de direita manipulam, mentem, inventam para levarem este “governo” ao colo!

Dramática, porém, a forma como este povo se deixa manipular e convencer por gente tão pequena como esta!

Comentadores da direita


9 comentários:

  1. Oh, Graça, que má ideia ver e ouvir esse fulano! Ou qualquer dos outros. Para manter a sanidade mental convém evitar ouvi-los. Sempre! :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que nem sequer me passa pela cabeça ouvir gentinha dessa!
    Antes ir-me deitar cedo e acordar às 5 h com uma insónia do tamanho da castelo de Leiria!
    Já ando pelo facebook desde as cinco e ainda não tinha tido ecos dessa criatura e afins!
    Somos mesmo uns malandros que comemos tudo aos pobres com as nossas "chorudas" aposentações!
    Que raiva!

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Deixei de ouvir comentadores politicos no inicio dop século, já lá vão uns anitos. E pelo que oiço e leio não tenho razão para me arrepender.
    Um abraço e bom Domingo

    ResponderEliminar
  4. Gostei do texto, evidentemente, mas a "colagem" deste leque de comentadores "oficiosos" é soberba!

    ResponderEliminar
  5. Que belo friso!Cadê os outros?

    Abraço

    ResponderEliminar

  6. Comentadores que fazem a apologia das políticas do Poder? Onde está a imparcialidade que poderia dar algum crédito aos comentários.
    Já nem debates se fazem, cara a cara, não vá o povo, de repente, se pôr a pensar por sua própria cabeça.

    Vejo o LER+ na 2 e não vejo mais!

    Bom domingo

    ResponderEliminar
  7. Subscrevo totalmente este seu texto.
    E também hoje o Passos Coelho
    esteve a atacar o Tribunal Consti-
    tucional e a virar os novos contra
    os velhos.Para ele tem que se
    baixar os ordenados aos funcionários
    públicos e as reformas, para que os
    novos tenham um futuro melhor.
    Quando se candidatou não disse
    nada disto.
    Mas o pior é que estamos mal com
    a direita e mal com a esquerda.
    Agora o BE anda entretido com
    o assunto "dos piropos" como se
    não houvesse gravidade suficiente
    na sociedade portuguesa e assuntos
    para tratar que têm a ver com a
    nossa vida.
    Bom domingo
    Bj.
    Irene Alves
    PS- sobre os comentadores nenhum
    é isento e são bem pagos para
    dizerem o que convém à direita.

    ResponderEliminar
  8. Não , escolheu-os a dedo...mas ainda faltam alguns.M.A.A.

    ResponderEliminar
  9. Se o povo não fosse como é... os governantes, estes e "outros", não seriam como são, logo, manipular não seria assim tão fácil. É o que temos...
    :(

    ResponderEliminar