quinta-feira, 19 de abril de 2018

Da emoção em política

São apenas dois minutos. Convido-vos a ouvir este excelente discurso sobre o que de facto é - ou deveria ser - a Europa.

Curto, simples, franco, sentido.




17 comentários:

  1. Já conhecia.
    Mas vale a pena voltar a ouvir.
    Sobretudo para um europeísta como eu.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As pessoas inteligentes não podem ser outra coisa que não seja serem europeístas...

      Beijinho.

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigada, Gil António. Gosto dos seus versos - são muito sentidos.

      Beijinhos poéticos, então...

      Eliminar
  3. Que bom seria, Graça, se todos os políticos pensassem desse modo.
    Ainda bem que partilhaste connosco, não conhecia.

    Beijinhos, bom FDS

    ResponderEliminar
  4. O dom da palavra não é para TODOS!
    FALOU "curto, simples, franco, sentido" ... e espero que tenha servido de exemplo para muitos e de reflexão para muitíssimos!!!
    bj

    ResponderEliminar
  5. Penso que o mal da Europa é haver UM HOMEM a pensar assim, entre todos os políticos que a compõem. O caminho para uma Europa melhor e mais justa, passa por TODOS pensarem assim.
    Abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  6. excelente! nem tudo está perdido, dir-se-ia.

    beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca está tudo perdido. Sou otimista...

      Beijinho.

      Eliminar
  7. Sucinto, conciso, sentido !!! ... Como não entender isto ?...
    Não é preciso ser-se "político" . Basta ser-se cidadão !
    Dois minutos que valem a pena, Graça !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A cidadania tem tanto de política! Politikos significava «relativo ao cidadão ou ao estado».

      Saberemos todos ser cidadãos?...

      Beijinho, Rui.

      Eliminar