quinta-feira, 30 de abril de 2015

Dia Mundial da Dança

A este «dia de» não resisto, até porque a minha grande paixão em gaiata era mesmo vir a ser bailarina clássica. Só que depois fiquei-me por ... professora. Que grande falta de originalidade...

Da página do facebook da Youth America Grand Prix (YAGP) «roubei» duas ou três imagens de figuras super clássicas, daquela de que gosto mesmo muito.

Vejam se gostam.







E, já agora, umas imagens do "nosso" António Casalinho, aqui de uma escola de bailado de Leiria, que apenas com 11 aninhos, venceu, pelo segundo ano consecutivo, o prémio «Hope Award» da YAGP.






16 comentários:

  1. Respostas
    1. Ainda bem, Rogerito!
      O menino gosta do que é bonito...

      Eliminar
  2. Parabéns ao António pelo Prémio e a ti porque soubeste "roubar" fotos muito bonitas..

    Abraço e que tenhas bom fim de semana prolongado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, São.
      Desejo o mesmo ou mais...
      Beijinho

      Eliminar
  3. Admiro o que fazem com seus corpos esculturais!
    Cultura clássica, você nos proporciona hoje, Graça!
    Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também eu os admiro, Célia! Uma beleza, uma delicadeza e uma leveza de movimentos absolutamente extraordinários!

      Eliminar
  4. Nice and lovely blog.I like it.Please follow me and I will follow you back if you are interested in following each other.Thanks.
    http://findshopping.blogspot.in/2015/04/top-online-shopping-sites-list.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Thanks a lot for your visit and for your words.
      I'll visit you soon, I promise

      Eliminar
  5. Vou confessar uma coisa que às vezes não é muito bem interpretada :) (coisa de... machistas...) : ADORO ballet! Especialmente clássico. E já tive o prazer de assistir, ao vivo, a vários espectáculos - O lago dos Cisnes, A bela adormecida, O quebra nozes... e por aí fora.
    Parabéns pelas belas imagens "roubadas", e um "Parabéns!" especial ao António Casalinho que, a avaliar pelas "poses"... tem futuro no mundo da dança.

    Bom feriado e óptimo fim de semana.
    Um beijo
    MIGUEL / ÉS A MINHA DEUSA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Miguel! Não há nada de «não machista» em apreciar bailado clássico! É sinal de sensibilidade cultural.

      Beijinho

      Eliminar
  6. Os sonhos (leia-se: desejos) não concretizados levam-nos a admirar os que os materializam e ao vê-los quantas vezes não nos "transportamos para ali", para os palcos onde esses outros bailam como nós bailaríamos se lá estivéssemos.
    Sou um péssimo dançarino de que são testemunhas os pés das que comigo tiveram a coragem de dançar.
    O bailado é um enlevo, onde a leveza dos corpos se transforma numa espécie de esvoaçar ausente de gravidade.
    O dançar é menos "leve", e contudo é igualmente belo quando executado com amor que leva à perfeição.
    Infelizmente não é o meu caso!
    Beijos bailando entre sorrisos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lindo comentário, Kok! Obrigada.

      Beijinhos sorridentes.

      Eliminar
  7. As fotos são excelentes e retratam bem o que o bailado pode ser. Espero que esse miúdo/rapaz de Leiria tenha oportunidade na vida para ir longe !

    ResponderEliminar
  8. Nunca quis ser bailarina. Queria ser enfermeira-paraquedista. A guerra sempre me afligiu, sempre me agonizou. Fiquei-me por professora convencida de que, não podendo ajudar os inocentes feridos, pudesse dar o meu contributo na "prevenção". Sonhos, sonhos, sonhos... O homem não tem emenda. Mas há a Arte. A Arte humaniza-o, sublima-o. A Música, a Dança, a Poesia são do domínio do divino.

    Bj.

    ResponderEliminar