terça-feira, 20 de março de 2018

Fado primavera

À procura de um poema à Primavera - menina de algumas horas apenas - no livro de David Mourão-Ferreira, fui dar com esta beleza triste que só faz jus à doce e alegre estação que agora se inicia por nos ser "lido" por vozes tão frescas  como estas que aqui vos deixo.

Depois digam-me das vossas preferências. Eu tenho a minha...







11 comentários:

  1. Deixas-me aqui com um dilema e tanto, Graça.
    Sendo a letra o mesmo belo poema de Mourão-Ferreira e as vozes, as mais bonitas do Fado, depois de ouvir ambas, atentamente, que me perdoe Camané, mas escolho a voz da nossa Diva.
    Indubitavelmente!! :)
    Obrigada Graça.
    Que tenhas dias primaveris e felizes, agora e sempre.

    Beijinhos de Primavera, ainda só de calendário. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Janita! O mesmo para ti!

      Beijinhos primaveris...

      Eliminar
  2. Gostei da bonita forma de dares as boas vindas à Primavera!

    Beijinho querida.

    ResponderEliminar
  3. Amália, Amália é única, tem uma emoção na voz que mais ninguém tem.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Amo ouvir a srª diva Amália Rodrigues. Adoro ouvir cantar o Camané. Difícil escolha. Mas Amália é Amália e ponto final.
    .
    * Poema em letras virgens e palavras nunca Escritas. *
    .
    Deixando um abraço

    ResponderEliminar
  5. Um magnífico poema do David. O Camané é muito bom, mas para mim ninguém se compara à Amália.
    Uma bonita homenagem à Poesia, Graça.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  6. Prefiro a Amália, mas optei por um poema de Alberto Caeiro para lhe dar as boas vindas no FB

    ResponderEliminar
  7. Não tinha dúvidas nenhumas quanto à vossa escolha... Difícil escolha como diz o Gil António.

    Não é para contrariar, mas eu prefiro... o Camané...

    Desculpai lá qualquer coisinha. E viva a Primavera!

    ResponderEliminar