sexta-feira, 22 de junho de 2012

22. Um cheiro de Verão

(retirado da net)

Lisboeta como sou, elegi o cheiro do manjerico como o perfume do Verão. E como não há manjerico em quadras populares, aqui vão algumas cá da minha lavra. Só peço desculpa pelo "desvio colossal" que faço nas duas últimas... 

Fica aqui o desafio para quem quiser: pegar no tema e acrescentar mais quadras populares.


O cheiro do manjerico
É o melhor cheiro do V'rão
Ele alegra o Santo António,
O São Pedro e o São João!

Manjerico que perfumas
De Lisboa o casario
Donde te vem o perfume?
Melhor nunca se sentiu!

Meu amor ofereceu-me
Um vaso de manjerico
Que faço eu? Ele é pobre
E eu queria marido rico…

Manjerico dos santinhos,
Dos santinhos populares
Pega o Passos e o Vitinho
E leva-os a mudar de ares.

Leva também o Cavaco
Vai ao Porto e pega o Rio
E manda-os, meu bem-amado,
P’rá “senhora” que os pariu…


19 comentários:

  1. ... que tais citados no final da sua poesia... sigam todos pra "ponte que partiu"... [rsrs]
    Bjs. Célia.

    ResponderEliminar
  2. Depois de me fazeres engasgar com a comida na boca, pelas duas últimas quadras, eu lá me atrevo a acrescentar seja o que for?
    Bem me queria parecer que estava tudo demasiado certinho, nas primeiras.lol

    beijocas
    Nina

    ResponderEliminar
  3. Ahahah, Graça, mas pelo menos um desvio que me fez rir, aprovando! :)))

    Quanto à quadra, se me lembrar de alguma, ainda volto! :D

    Beijocas e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  4. Ó meu rico manjerico
    Cheiras bem o dia inteiro
    Não é como o meu vizinho
    Mal cheiroso e sem dinheiro :)


    Amiga foi o que saiu :))

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Graça
    Está cinco estrelas!
    As últimas duas de um a dez,dou-te dez.
    Bom fim de semana

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  6. Gosto tanto!
    E tenho um cá por casa :)

    p.s. como não sei se costuma subscrever os comentários posteriores aos que faz, aproveito para dizer que lhe deixei uma resposta no post king size lá do meu sol.

    ResponderEliminar
  7. Belo desafio.

    E ... desafio não rima com "pariu"?

    ResponderEliminar
  8. E manda-os, meu bem-amado,
    P’rá “senhora” que os pariu…
    Ou então para a Merkel
    Qu´a gaja anda com o cio

    Qu´a gaja anda com o cio
    Qu´a gaja anda sem namoro
    O meu querido S. João
    Dá-lhes com o alho porro

    Dá-lhes com o alho porro
    Bate-lhes duma assentada
    Manda para lá todo o governo
    Liberta-nos dessa gajada

    ResponderEliminar
  9. Gosto do final da poesia, pois...
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. ahahah ... boa!

    Não estou virada pr'as quadras
    Mas deixa ver se sei rimar
    O tempo nem sempre é de festa
    Mas é melhor rir que chorar.
    :)

    ResponderEliminar
  11. Estimada Amiga Graça Sampaio,
    Maravilhoso poema nas vesperas de S. João, foi por certo o majarico que lhe deu esse condão.
    Adorei.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  12. Adorei. As duas últimas estão o máximo. Oh Graça tu tens graça.

    Bom fim de semana. Bjs

    ResponderEliminar
  13. : ) que poeta!
    que cheirinho a manjerico que aqui chega.

    ResponderEliminar
  14. A poesia popular
    são santos que a convocam
    muita gente a reclamar
    manjericos que nos provocam

    Santo António já lá vai
    O São João já vem aí
    a festa já se esvai
    eu cá fiquei por aqui

    Vou pedir ao São João
    mais sol e menos crise
    dá-me cabo do coração
    ver o povo tão garnisé


    Ai as Fontaínhas, as sardinhas, as pancadinhas...

    ResponderEliminar
  15. Ó meu rico São João
    Faz o que te aconselho
    Bebe no Porto um verdelho
    E corre com o Coelho

    Ó meu rico São João
    Meu santinho de eleição
    Se neste mundo há tantas selvas
    Porque não mandas para lá o Relvas.

    Foi o que se pôde arranjar.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  16. Querida amiga hoje eu vim agradecer o carinho de sua presença no meu cantinho, assim que poder virei com mais calma.
    Um abençoado fim de semana.
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  17. Também perguntei pelo cheiro a manjerico à Nina, depois da longa e interessante lista de cheiros que ela referiu! :-))
    Como estás exímia em quadras, sendo as duas últimas merecedoras de prémio e como outros amigos já acrescentaram algumas, desisto de apresentar o resultado de uma "esmifrada" a martelo ou talvez a ...martelinho de S. João! :-))

    Abraço

    ResponderEliminar
  18. Muito obrigada aos versejadores que aqui deixaram os seus pedidos aos santinhos populares, e aos outros que não quiseram tentar umas rimas.

    Que me desculpem todos, mas as quadras do nosso amigo Rogerito estão de mais!!! Do piorio... eheheheheh...

    Beijinhos

    ResponderEliminar