terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Canção de Natal

Tinha intenções de falar do reconhecimento pela UNESCO de Óbidos e de Idanha-a-Nova como cidades criativas, cidade literária e cidade musical respetivamente;

Tinha intenção de comentar (uma vez mais) a imbecilidade que são os rankings da escolas (bem como qualquer tipo de ranking, diga-se de passagem) e de como a Inspeção-Geral de Educação, preocupada apenas com coligir montanhas de papeis quando vai às escolas, ignorando completamente o funcionamento diário das mesmas nomeadamente no que concerne ao que se passa dentro das salas de aula e de como o processo de aprendizagem continua a ser marginalizado continuando a favorecer-se o ensino que é bem mais fácil para os professores (alguns, claro; nem todos.);

Mas nesta época do ano, não me apetece. Tenho a cabeça cheia de canções de Natal, de poemas sobre o Natal, de histórias de Natal, de luzinhas de Natal... Uma espécie de silly season, sei lá!

Por isso, daqui até final do ano, dificilmente conseguirei apresentar outros temas. Hoje deixo aqui uma velha canção de Natal - americana como são as melhores e mais conhecidas - numa interpretação antiga na maravilhosa voz de Brenda Lee.





Podem talvez preferir a versão Michael Bublé, bem mais moderna e igualmente bonita.




14 comentários:

  1. Detesto o Natal.
    Nem se pode ir ao supermercado sem ter que "levar" com magotes de pessoas que parece que só comem no Natal. ehehehe
    Se eu escrevesse ao pai natal, ia pedir que me trouxesse um Carnaval e duas Páscoas. eheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostos não se discutem, esperto! Eu cá detesto a Páscoa porque é uma seca!! Entretanto, adoro o Carnaval porque é bué da divertido.... eh eh eh...

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigada, Elvira! Música linda de Natal - temos de fazer um esforço para ter momentos felizes, não é?

      Beijinhos

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Há épocas do ano que têm o dom de nos pôr mais (ou menos) alegres...

      Eliminar
  4. Já tinha ouvido uma canção escolhida pela Graça (Pacto Português).
    Agora outra, ambas com duas versões, ambas muito dentro do espírito natalício.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Não conhecia nenhuma, gostei de ouvir!

    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem, Flor!! Viva a música que nos traz alguma alegria ao coração!

      Beijinhos

      Eliminar
  6. Canções de Natal enchem-nos sempre o coração de Esperança!

    Temos de fazer um esforço para não perder a capacidade de sonhar.

    Gostei de ambas as versões!

    beijinhos natalícios!

    ResponderEliminar
  7. É bem verdade, amiga: «Temos de fazer um esforço para não perder a capacidade de sonhar.»

    Beijinhos e bons sonhos.

    ResponderEliminar